Ainda somos nós…

Ainda somos nós…

            
 
Hoje eu sonhei contigo, daqueles sonhos que a gente não quer acordar, acordei. Acordei e lembrei que há muito você deixou de ser o meu sonho pra ser a minha lembrança, aquela lembrança que deixa um gostinho de “ainda podia ser”, e aí eu sou saudade.

 Eu remexo as nossas coisas como quem remexe as nossas vidas procurando por uma resposta, sou confusão. 
 Você reaparece depois de tempos com apenas um sorriso no rosto, você é tempestade.
 Eu fujo, me escondo, faço de conta que já esqueci, eu sou o medo.
 Você pega minha mão, me abraça, eu olho nos seus olhos, o medo se foi, ainda somos um só.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s